quarta-feira, 26 de junho de 2013

Estudante reage a assalto e leva tiro em frente à escola em Ceilândia

Esta é a 4ª vez em duas semanas que as aulas têm que ser canceladas por causa da violência no local, segundo professores do CED 15




Professores do CED 15 reclamam da falta de segurança do local (Daniel Ferreira/CB/D.A.Press)
Professores do CED 15 reclamam da falta de segurança do local

Um estudante de 16 anos foi baleado em frente ao Centro de Educacional 15 (CED 15), em Ceilândia, no início da tarde desta terça-feira (25/6). O garoto, que cursa o primeiro ano do Ensino Médio no CED 15, foi abordado por um assaltante armado que pediu o tênis da vítima. O menino negou.

O suspeito apontou a arma em direção à cabeça do jovem, que reagiu dando um tapa na mão do assaltante. A arma disparou e atingiu a virilha do garoto. O suspeito fugiu.

Segundo professores do CED 15, o menino reagiu ao assalto porque guardava um dinheiro que foi recolhido por estudantes para os jogos internos da escola. Um dos professores, Carlos Santos, afirmou que esta é a quarta vez em duas semanas que as aulas têm que ser canceladas por causa da violência no local.

O menino foi levado para o Hospital Regional de Ceilândia (HRC), onde passou por uma cirurgia para a retirada da bala, e segue internado sem risco de morrer. A polícia está em frente à escola para aumentar a segurança no local.

A 19ª DP (Ceilândia Norte) investiga o caso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário