quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

Padilha defende nova fonte de financiamento para a Previdência

O ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, disse hoje (15) à comissão especial da Câmara que analisa a reforma da Previdência que, mesmo se as mudanças propostas forem aprovadas, o setor vai precisar de uma nova fonte de financiamento a partir de 2026